domingo, 24 de outubro de 2010

Triste, mas com sentimento de missão cumprida - parte 3

Acabou!!!!!!!
Desta vez foi o Mathias quem desisiu de mamar!!!
E eu que pensei que meu bezerrinho iria mamar até mais de 1 aninho!!! Errei!!!!
O gordinho resolveu largar o peito no dia 14/10, quando estava com 8 meses e meio!!!
Fiquei triste???? Sim, muito!!!! Não conseguia acreditar que não iria mais amamentar!! Algo que eu gostava tanto, que me dava tanto prazer e que fez tão bem para meus 3 filhotes!!!!
Eles começaram a mamar com 3 dias de vida e, desde então, sempre receberam meu leitinho!!!
Demorei quase 40 dias para amamentar diretamente no peito, pois eles tinham que atingir 1,5kg para poderem mamar!
Mas o dia chegou e amamentei pela primeira vez no dia 11 de março. O primeiro foi o Guigui, em seguida a Carol e por último o Mathias, que sempre demorou mais para ganhar peso (hoje é o mais gordinho)!
Foi uma sensação maravilhosa, indescritível!!! Quem é mãe sabe bem o que estou falando, e quem é ou foi mãe de Neo, sabe mais ainda!!! Como esperamos por esse momento!!! E quando acontece não queremos que acabe jamais!!!!
Mas um dia acaba!!! Infelizmente... Faz parte!!!!
Pois é, no meu caso, o Guigui parou de mamar com um pouco mais de 6 meses, a Carol 2 semanas depois e o Mathias com 8 meses e meio.
Não sei porque, sempre disse que queria amamentar, ao menos, até os 8 meses!! Consegui!!!
Estou conformada porque todos, principalmente minha mãe e meu pai, disseram que eu fiz muito! Que jamais imaginavam que eu conseguiria amamentar tanto tempo!
Meu obstetra, quando as crianças nasceram, cogitou a hipótese de eu nem ter leite, pois as crianças tinham nascido com 26 semanas de gestação!!
Mas eu tive muuuuiiiito leite!!!! E ainda tenho!!!! Chegava a tirar de 600 a 700ml quando as crianças estavam na Neo!
O Alexandre, neonatologista, disse que é muito difícil uma pessoa conseguir amamentar tanto tempo nas condições em que tudo aconteceu: gestação de 26 semanas, 70 dias de Neo, apenas "máquina" para estimular e tirar leite!
Mas consegui!!!
Pena que acabou!!!
Mas foi meu gordinho que decidiu que não queria mais e eu tenho que respeitar a vontade dele!!!
Amamentar é muito bom e faz muito bem para os bebês!!
Mamães: façam tudo que puderem para amamentarem seus bebês!!!
Eu sou um exemplo de que querendo todas conseguem!
Comecei, junto com minha mãe, contando as gotinhas de leite que saiam do meu peito, e essas gotinhas foram mágicas e ajudaram muito no desenvolvimento do Mathias, da Carol e do Guigui!
Esrtou triste, porque agora nenhum dos meus bebês está mamando no peito, mas tenho CERTEZA que cumpri minha missão e ajudei muito meus três pimpolhos!!!!

Fotinho do Mathias mamando pela primeira vez

5 comentários:

Aline disse...

Ai Mari tu nao sabe o quanto eu sinto falta de amamentar o lucas ele tambem parou e muito cedo com 4 meses mamou so dois meses em casa as vezes eu tomo o remedio e tento mas ele faz ancia de vomito ve se pode ....

Christiana disse...

Parabéns querida! Teus pais têm razão, você fez muito mesmo! Sinta-se vitoriosa porque se hoje seus bebês estão fortes e saudáveis foi por causa do teu leitinho. Isso é que é Mãe!
Bjinhosss
chris e mosqueteiros
http://tresmosqueteiros.wordpress.com

Andrea disse...

Parabéns Cunhada! Missão cumprida!!!!!!!!!!!!!Bjs

GABI TISSOT PRETTO disse...

Mari!!! Tu foi muito longe amiga!!! Me inspiro em ti! Parabéns guerreira!!!!

Uli disse...

Nossa Mari vc foi uma privilegiada e guerreira amiga. Tiro meu chapéu pra ti e agradeça muito a Deus pq sei que teve seu esforço e dedicação, mas realmente não é comum não. Vc foi escolhida a dedo. Eu fiz de tuuudo amiga...comecei preparando as mamas, depois tirava numa mega bomba da maternidade várias vezes ao dia e só saíam gotinhas...eu entregava minhas gotinhas morrendo de vergonha das outras mães "vaca leiteiras" total, até que um dia nem as gotinhas eu tinha mais. O dia mais triste foi quando uma psicóloga da UTI foi me buscar no lactário pq uma enfermeira mandou chamar ela. Segundo a psicóloga eu estava me mutilando sem perceber...minhas mamas estavam feridas mas eu juro que não tinha percebido e nem sentia nada. A vontade de ter leite (ou pressão tvz) era maior.
Bjs!